Bonnie

Essa é a Bonnie, uma SRD de quatro anos.

Os donos dela são a Ana e o Adriano, e os filhos deles, Adrian e Liane.

A Bonnie foi minha aluna de Passeio. Ela é uma cachorra muito simpática, adora pessoas, e está sempre com esse sorriso bonito! Mas é muito ativa, tem energia de sobra e é bastante ansiosa. Ela também tem um pouco de problema com limites, gosta de testar a paciência de todo mundo e às vezes reluta em obedecer…

Geralmente os donos saíam com ela de manhã e eu fazia o passeio à tarde. Nós caminhávamos em um ritmo forte e no meio do passeio parávamos para jogar bolinha e “molécula” (um brinquedo com forma irregular). Essa é a parte preferida da Bonnie! Quando nós chegávamos perto da quadrinha onde costuma brincar ela já ficava agitada. Também é a parte na qual ela mais obedece…

Antes do passeio comigo, a Bonnie já tinha feito aulas de adestramento e agility. Os donos dela buscaram o passeio como uma forma de gastar energia e diminuir a ansiedade. Mas mesmo com dois passeios por dia eles perceberam que ela ainda estava bem ansiosa, e em casa ela ficava muito agitada. Então eles decidiram voltar com o agility, pois era uma atividade que deixava ela bem cansada.

O perfil da Bonnie é parecido com o do Border Collie. São cães agitados, que tem muita energia. Muitas vezes um passeio não é suficiente para cansá-los, eles precisam de uma atividade mais vigorosa, um desafio. Uma opção de atividade mais intensa é andar de bicicleta com o cão do lado. Aqui em São Paulo fica um pouco difícil, por causa do trânsito, mas nos parques isso é bem tranquilo de fazer (precisa ensinar o cão antes, não é para amarrá-lo na bicicleta e já sair andando!). O agility serve como uma atividade com “objetivo” para o cão. Ele fica focado em fazer o percurso com os obstáculos e sabe que no final ganhará um prêmio (no caso da Bonnie, a bolinha).

Mesmo com essas atividades, o passeio é fundamental. É o momento do cão interagir com o lado de fora, com outros cães, sentir cheiros diferentes e aprender a lidar com novas situações. Também é importante para fortalecer a relação com a família.
Por enquanto a Bonnie vai parar com o passeio. Eu fiquei chateada, adoro passear e brincar com ela. Mas ao mesmo tempo também fiquei feliz, por ver que eles se preocupam com ela e estão buscando outras formas de atender às suas necessidades.

Anúncios

2 thoughts on “Bonnie

  1. Pois a Bonnie é uma cadelinha muito… muito interessante.
    Parece querer ser lider no grupo mas ais poucos aprenderá que assim não dá., pois pela apresentaçao é uma cachorrinha inteligente.

    Bons divertimentos para ela com os donos (grandes e pequenos) a desfrutarem da sua companhia

    • Octávio, a Bonnie é muito inteligente mesmo!
      Ela é o tipo de cachorro com o qual você tem que ficar esperto o tempo todo, se não ela consegue sempre o que quer.
      Você tem cães?
      Obrigada pela visita!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s